ForMobile faz parte da divisão Informa Markets da Informa PLC

Este site é operado por uma empresa ou empresas de propriedade da Informa PLC e todos os direitos autorais residem com eles. A sede da Informa PLC é 5 Howick Place, Londres SW1P 1WG. Registrado na Inglaterra e no País de Gales. Número 8860726.

papel-design-industria-de-moveis-formobile

Qual o papel do design na indústria de móveis brasileira?

O papel do design na indústria de móveis assume um parâmetro estratégico, influenciando os resultados do setor.

A madeira sempre foi a matéria-prima fundamental para o desenvolvimento de móveis no Brasil. Apesar disso, o País também tem sido referência em design quando analisamos a indústria de móveis atual, o que exige de todos que participam dessa cadeia produtiva um olhar apurado sobre as tendências. Afinal, o design aplicado hoje no mobiliário brasileiro é bastante mutável, mesmo com a maior durabilidade dos produtos, exercendo uma função que vai muito além da estética.

“Atualmente, o Brasil ocupa a 10ª posição entre os maiores produtores mundiais de móveis, com 1,64% do mercado global, atrás de países como Polônia, Japão e Canadá, mas o design, atualmente, é um grande diferencial das indústrias”, afirma Glória Correia, arquiteta da Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.

Papel do design na indústria de móveis

design na indústria de móveis é um meio pelo qual é possível atingir com mais eficiência o consumidor final. Por meio de informações, como hábitos, rotinas e perfis do público com os quais se pretende trabalhar, é possível fabricar e montar produtos de mobiliário que tenham mais aderência ao público que a empresa deseja atingir. Dessa forma, ao observar e analisar o que foi criado, o consumidor passa a notar que aquele mobiliário atende não só às suas necessidades, como, também, ao seu o estilo de vida.

“Tal identificação do consumidor com a marca traz, principalmente, mais credibilidade, porque os padrões, as linhas e as formas concebidas serão integradas às necessidades que o mercado exige naquele momento”, reforça Glória.

Não à toa, a concepção de móveis com design próprio garante originalidade à fábrica, além de muito mais destaque competitivo no mercado.

Design voltado para novos materiais e sustentabilidade

As pesquisas constantes na área do design sobre novas técnicas e materiais, conduzidas, principalmente, por consultorias de desenho industrial contratadas, ou setores que lidam com o assunto dentro das próprias empresas, permitem que os produtos fabricados sempre brindem ao ineditismo e à originalidade.

Assim, novas técnicas, materiais e as eventuais tendências do mercado nacional e internacional nunca passam despercebidos e podem ser absorvidos a tempo de atender às demandas que só serão palpáveis no curto prazo.

Atualmente, o design visa a atender o mercado global de móveis seriados residenciais de forma sustentável, com toques e características brasileiras, mediante a inovação e o aprimoramento contínuo da qualidade.

Um desses focos é o aprimoramento dos processos de desenvolvimento de produto, por meio de ações de certificação, rastreabilidade e reciclagem. Ao adotar esses procedimentos, o produto brasileiro alia sua imagem a conceitos de sustentabilidade –  fator que agrega à mercadoria maior confiança e credibilidade junto aos consumidores de todo o mundo.

Gargalo tecnológico

Em relação à aplicação da tecnologia em prol do design de móveis, o principal gargalo é o segmento de máquinas e equipamentos, já que o setor concentra sua fabricação em produtos básicos, pouco diferenciados pelo design na indústria moveleira, dificultando enormemente a atualização dos processos produtivos das empresas.

O que você acha do papel do design na indústria de móveis brasileira? Participe dessa discussão, deixe sua mensagem nos comentários. 

O que grandes designers brasileiros de móveis têm a ensinar?

Ocultar comentários

Comments

  • Allowed HTML tags: <em> <strong> <blockquote> <br> <p>

Plain text

  • No HTML tags allowed.
  • Web page addresses and e-mail addresses turn into links automatically.
  • Lines and paragraphs break automatically.
Publicar