ForMobile faz parte da divisão Informa Markets da Informa PLC

Este site é operado por uma empresa ou empresas de propriedade da Informa PLC e todos os direitos autorais residem com eles. A sede da Informa PLC é 5 Howick Place, Londres SW1P 1WG. Registrado na Inglaterra e no País de Gales. Número 8860726.

moveis-sustentaveis-formobile

Móveis sustentáveis são oportunidade de negócio para a indústria

Um dos termos que estão sendo priorizados nas mais diversas esferas da sociedade atual é a sustentabilidade. Todos os anos, diversos projetos que visam à conscientização ambiental são lançados, inclusive entre as indústrias – seja para a redução do consumo de água, a diminuição da emissão de poluentes, a reciclagem de papéis e/ou a reutilização de materiais.

E o que acontece no setor moveleiro não é diferente. Existem diversos tipos de móveis fabricados no mercado com o objetivo de promover a preservação do meio ambiente: são os famosos móveis sustentáveis.

O mercado dos móveis sustentáveis

Esse novo conceito de móveis é caracterizado pela sustentabilidade do processo de produção e desenvolvimento do design. Ou seja, a cultura na produção de móveis sustentáveis por parte das indústrias se dá a partir de processos de fabricação que atendam a todos os requisitos socioambientais, além de manter a qualidade e o bom gosto. Vale lembrar de que, para ser percebido como sustentável, um processo precisa adotar a cultura do economicamente viável, socialmente justo e ambientalmente adequado.

Atualmente, no Brasil, mais de 250 cidades com mais de 100 mil habitantes concentram um potencial de consumo de R$ 22,7 bilhões em móveis, o equivalente a 70% do total nacional. E, em parte desse montante, há nichos bastante expressivos e emergentes, como é o caso dos móveis sustentáveis.

O Brasil é o terceiro país no ranking das nações com maior consciência e preocupação com a sustentabilidade, conforme a pesquisa Greendex. Outro levantamento, desta vez da Nielsen, constatou que 55% dos consumidores de 60 países estão dispostos a pagar mais por produtos de empresas comprometidas em gerar impacto social e ambiental positivo.

Diante de dados como esses, o mercado de móveis sustentáveis possui grande potencial de crescimento, respondendo a uma demanda crescente entre os clientes que estão buscando alternativas de móveis com bom design e que reduzam o seu impacto produtivo no meio ambiente.

“Existem móveis sustentáveis para todos os níveis de investimento. Desde fábricas top de linha até marceneiros que reaproveitam materiais, todos estão percebendo as oportunidades existentes no mercado para os móveis sustentáveis”, enfatiza Marcelo dos Anjos, projetista do Studio Dlinea.

Materiais utilizados na produção de móveis sustentáveis

Entre os materiais que podem ser usados na produção de móveis sustentáveis estão as garrafas PET, jornais, latas, pneus, paletes, ripas, troncos, galhos e raízes descartadas naturalmente pela natureza. Esses insumos podem ser transformados em cadeiras, mesas, aparadores e peças de decoração.

Além de móveis como sofás e camas feitos com paletes e vasos para jardins verticais feitos com ripas, é possível fabricar “qualquer mobiliário como bancos, portas, prateleiras, armários diversos, molduras de quadros. As possibilidades são infinitas e esse é um nicho que está aquecido”, segundo destaca Sidneia Teixeira, gestora ambiental e sócia proprietária de A Marcenaria, empresa especializada em móveis sob medida.

Cuidados necessários para a conservação dos móveis sustentáveis

Quando se produz móveis sustentáveis com paletes de madeira destinados aos ambientes externos, por exemplo, é importante lembrar de impermeabilizá-los, a fim de dar um melhor acabamento e resistência ao material, aumentando a durabilidade do mobiliário.

De acordo com o projetista do Studio Dlinea, "é ideal que, além de usar um bom impermeabilizante, para proteger os móveis sustentáveis do sol e da umidade, é importante nunca deixar o móvel molhado, caso algum líquido caia sobre ele”. Dos Anjos também afirma que é “interessante manter as cortinas fechadas para evitar raios solares, caso os móveis sustentáveis estejam em ambientes internos”.

Já Sidneia Teixeira indica que “como qualquer madeira, o cuidado demandado por materiais sustentáveis deve ser constante. Para uma maior durabilidade, é possível aplicar recursos como vernizes, ceras e tintas (essas, se forem a base de água, ainda tornam o produto atóxico e menos poluente)”.

No entanto, ambos aconselham que os móveis sustentáveis sejam utilizados, preferencialmente, em ambientes internos, pois além de comumente produzidos com insumos mais sensíveis, eles também podem ser mais suscetíveis a cupins em áreas externas.

Quer saber mais sobre móveis sustentáveis e conhecer outras oportunidades para a sua indústria moveleira? Continue acompanhando o nosso canal de conteúdo e até a próxima. 

Ocultar comentários

Comments

  • Allowed HTML tags: <em> <strong> <blockquote> <br> <p>

Plain text

  • No HTML tags allowed.
  • Web page addresses and e-mail addresses turn into links automatically.
  • Lines and paragraphs break automatically.
Publicar