• ForMóbile is part of the Informa Markets Division of Informa PLC

    This site is operated by a business or businesses owned by Informa PLC and all copyright resides with them. Informa PLC's registered office is 5 Howick Place, London SW1P 1WG. Registered in England and Wales. Number 8860726.

Gestão, Inovação

Como garantir segurança logística na indústria moveleira

A gestão logística (ou a falta dela) afeta diretamente a produção das indústrias moveleiras. Afinal, todo o processo produtivo é uma rotina que, embora seja repetida diversas vezes, conta com muitas variáveis. Por isso, agir com segurança em cada uma das etapas é fundamental.

Indústrias que adotam boas práticas na área de logística conseguem melhorar a sua produtividade e gerar economia no uso de equipamentos e materiais. Apesar disso, é importante salientar que os resultados não surgem como um passe de mágica. É preciso colocar em prática um
conjunto de ações que envolve o planejamento detalhado do processo produtivo da empresa e o investimento em softwares de gestão.

Benefícios de um processo logístico eficiente

“É claro que segurança é um termo muito amplo, sobretudo quando se pensa em logística. Ela pode representar a garantia das entregas de insumos e produtos no tempo acordado, além da manutenção dos protocolos de qualidade. De qualquer forma, o emprego de uma gestão logística pautada em sistemas de qualidade é um dos principais fatores para a garantia de segurança em todos os processos”, afirma o Prof. Dr. Claudio Vinicius Silva Farias, que também é coordenador do Curso Tecnólogo em Processos Gerenciais do Instituto de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul.

Exemplos para comprovar os benefícios de um bom trabalho logístico não faltam. Uma indústria com a logística bem ajustada consegue organizar os pedidos de maneira rápida e detalhada. Isso porque os coloca na programação de produção e evita, assim, atrasos na hora da entrega.

Além disso, ao ter documentos de compras de materiais preenchidos de maneira adequada e uma boa ferramenta de registro e de envio de informações para o seu fornecedor, é provável que os insumos cheguem à indústria para a produção sem atrasos. Isto pode permitir, inclusive,
um estoque menor para a armazenagem dos materiais, gerando uma importante economia.

Metas e planejamento da logística

Para isso, contudo, é importante estabelecer metas. Elas devem representar onde a empresa quer chegar e como ela deseja ser reconhecida no mercado. A partir daí, deve-se trabalhar o alinhamento estratégico logístico para, então, buscar atingir tais objetivos. “Conjuntamente com as metas, deve ser realizado o monitoramento de todas as etapas para ajustes e realinhamento do que estiver em desacordo com o que foi planejado. Indicadores de desempenho são de extrema importância para o controle desse processo e para garantir a segurança da organização”, ressalta Roberto Macedo.

Outra medida a ser tomada diz respeito à gestão dos riscos da empresa. “Todas as fábricas de móveis devem ter um plano de gestão de riscos. Por meio desse documento, se planeja, organiza e controla os recursos organizacionais. Assim, se evita a ocorrência de imprevistos ou de, ao menos, diminui-se o nível de suscetibilidade da empresa às incertezas. Isso ajuda, também, o gestor desses negócios a tomar suas decisões baseado em dados concretos, não em achismos, monitorando todas as etapas e detalhes de seus processos logísticos. Isso ajuda a garantir, ainda, a segurança extra de reduzir índices de extravios e perdas de materiais”, explica Pedro Andrade, consultor do Sebrae-RS.

Gerenciamento dos estoques

Além disso, vale a pena investir no gerenciamento dos estoques. “As fábricas devem otimizar seus controles para que haja a reposição de materiais apenas quando necessário. Assim, é possível evitar manter lá itens que não girem rotineiramente. Isso permite que se atenda grande parte dos pedidos, sem perdas de verba, recursos e segurança dos itens, mantendo um estoque abarrotado, com risco de deterioração dos materiais. Para tudo isso funcionar, é preciso contar com um bom sistema de controle de estoque, preciso e atualizado, que contenha a localização de cada item. Afinal, a rastreabilidade dos itens também é uma forma de garantir a segurança de que tudo está onde deveria e que a sua fábrica funciona como o previsto.”

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (No Ratings Yet)
Loading...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *