ForMobile faz parte da divisão Informa Markets da Informa PLC

Este site é operado por uma empresa ou empresas de propriedade da Informa PLC e todos os direitos autorais residem com eles. A sede da Informa PLC é 5 Howick Place, Londres SW1P 1WG. Registrado na Inglaterra e no País de Gales. Número 8860726.

revendas-educar-marceneiros-vendas-formobile

Estratégias ajudam a educar marceneiro a comprar produtos de revendas; confira

Quando falamos em concluir uma venda em qualquer segmento do varejo, a teoria é bem mais simples do que a prática e, dependendo do produto, sua concretização é relativamente fácil. No entanto, quando os clientes em questão são os marceneiros, fechar um bom negócio tende a ser mais complexo para as revendas, principalmente pelo mix de produtos apresentado, que exige muita informação técnica.

O nível de conhecimento cada vez mais avançado dos profissionais de marcenaria acaba tornando a exigência pela qualidade ainda maior. “Hoje, com o acesso fácil à informação por conta da internet, é simples pesquisar sobre os processos e as ferramentas. A internet é um canal muito importante para comparar, entender e escolher quais ferramentas, máquinas e equipamentos são ou não relevantes dentro do processo de produção do marceneiro”, destaca Alex Uzueli, arquiteto, sócio-proprietário da Oficinalab.

Soma-se a isso o fato de que o marceneiro pode entrar em contato diretamente com os fornecedores para que eles também indiquem o uso correto de máquinas e equipamentos que, por ventura, estejam interessados. Sendo assim, as revendas precisam estar sempre preparadas para passar credibilidade aos profissionais de marcenaria, de forma mais consultiva, educando o mercado e impulsionando, dessa forma, suas vendas.

Para facilitar um pouco essa tarefa, confira, a seguir, algumas estratégias que ajudam a educar o mercado da marcenaria para que ele passe a comprar mais com as revendas. Confira!

1. Planejamento

A primeira dica é desenvolver um bom planejamento. Estratégias bem pensadas, baseadas em dados, e não apenas em feeling, têm maior potencial de gerar bons resultados. Vale a pena criar, portanto, uma planilha com os objetivos e os planos da revenda, além de fazer duas listas: uma com informações sobre os clientes e a outra sobre os produtos e o ambiente de vendas.

Outro ponto muito importante nesse contexto é acompanhar a concorrência, pesquisando pontos fortes e fracos, os produtos que estão sendo oferecidos e as respostas dadas pelo mercado às ações realizadas por eles.

Ter um bom mapeamento desses aspectos é o primeiro passo para criar uma estratégia baseada no perfil do cliente e nas necessidades e produtos comercializados por sua revenda.

2. Marketing

Como hoje em dia a internet é uma grande fonte de informação, depois de mapear as estratégias de venda, é de fundamental importância investir no marketing digital.

Investir na criação de conteúdos relevantes e de valor para seu mercado vai ajudar a educa-lo e tornar sua revenda uma autoridade no assunto. Criar um blog, por exemplo, pode ser uma boa tática.

Também é recomendável o investimento em uma newsletter que trate de questões técnicas ou, até mesmo, um canal no YouTube que mostre soluções para o dia a dia do marceneiro.

3. Torne-se referência

Para que uma revenda alcance o sucesso ela precisa se tornar uma referência de qualidade, capaz de prestar esclarecimentos e dar o suporte necessário aos clientes em caso de dúvidas com os equipamentos ou as madeiras adquiridas. “Para o marceneiro, a revenda é, também, uma parte importante na resolução de problemas relacionados à marcenaria. Por isso, é importante que os vendedores estejam bem treinados para conseguir ajudá-lo na tomada de decisões sobre seu trabalho no aspecto técnico”, aconselha o sócio-proprietário da Oficina Lab.

Outra tática para se tornar referência e educar o mercado é participar de eventos da área ou, ainda, promover workshops em sua revenda a fim de apresentar a capacidade de seus produtos de otimizar processos produtivos e facilitar o trabalho do profissional.

4. Pós-venda

A venda é o começo da parceria entre a revenda e o marceneiro. A partir dela, pode surgir uma relação de confiança entre as partes, já que esse processo é cíclico.

Por isso, é fundamental que se estabeleça uma relação de ganha-ganha. Aplicar questionário de avaliação dos serviços prestados e qualidade do produto, manter contato com o marceneiro, inclusive aconselhando-o para o melhor uso da madeira ou da máquina adquirida, pode ser uma estratégia que irá gerar bons negócios e credibilidade.

Dessa forma, o seu público recebe ajuda para utilizar de forma correta o produto que comprou, trazendo mais resultados e, ainda, se torna um propagador das informações que aprendeu com você.

A sua revenda coloca em prática alguma dessas dicas? Continue acompanhando o nosso canal de conteúdo e fique por dentro de outro temas importantes para o seu negócio. 

Ocultar comentários

Comments

  • Allowed HTML tags: <em> <strong> <blockquote> <br> <p>

Plain text

  • No HTML tags allowed.
  • Web page addresses and e-mail addresses turn into links automatically.
  • Lines and paragraphs break automatically.
Publicar