ForMobile faz parte da divisão Informa Markets da Informa PLC

Este site é operado por uma empresa ou empresas de propriedade da Informa PLC e todos os direitos autorais residem com eles. A sede da Informa PLC é 5 Howick Place, Londres SW1P 1WG. Registrado na Inglaterra e no País de Gales. Número 8860726.

atualizacao-profissional-marceneiro-formobile

Como atualizar os conhecimentos técnicos do marceneiro?

Não importa a profissão, atualizar os conhecimentos para manter-se qualificado é fundamental para oferecer um serviço de qualidade no mercado – necessidade que também se aplica aos marceneiros. Afinal, eles precisam buscar atualizações sobre novas técnicas de utilização de madeiras e ferragens, por exemplo, além de conhecer as tendências apontadas pelo novo perfil de consumidores.

O bom marceneiro é aquele que conhece os instrumentos essenciais para a realização do seu ofício, entende profundamente as matérias-primas que utiliza na execução dos projetos, identifica as necessidades do seu cliente e desbrava novos caminhos para poder evoluir e se diferenciar em meio à concorrência porque sabe que precisa renovar frequentemente seus conhecimentos, tanto práticos quanto teóricos.

Diante disso, cabe a cada marceneiro, sobretudo os que possuem micros e pequenas marcenarias, o dever de buscar meios de atualizar-se a fim de garantir um importante diferencial competitivo. Confira, portanto, algumas dicas especiais de como o profissional pode elevar a sua qualificação no mercado.

Cursos complementares

Não existe uma formação única que prepare integralmente o marceneiro a ponto de fazê-lo atender a todos os requisitos citados acima. Muitos profissionais começam como aprendizes e aprendem o ofício na prática, observando marceneiros mais experientes, enquanto outros investem em cursos de aperfeiçoamento profissional, que habilitam os alunos em áreas como criação, planejamento e execução de projetos de móveis, despertando qualidades empreendedoras e estimulando a necessidade de aprimoramento.

Mas para Fabiano Klein, marceneiro e sócio da empresa gaúcha d’ A Marcenaria, a oferta por cursos de atualização é limitada. “São muito poucas as alternativas de atualizações para marceneiros. Os cursos são, em boa parte, destinados para quem encara a prática mais como um hobby do que como profissão. Por isso, o marceneiro deve ir atrás da informação para não ficar ‘travado’ no mercado”, afirma.

O  mesmo vale para os profissionais que utilizam programas de computadores para a confecção de peças e móveis.  “Eles precisam dar uma atenção especial à parte da informática, pois os programas utilizados, como o Autocad e o Sketchup, estão sempre recebendo novas versões e atualizações”, completa Klein.

Por isso, o marceneiro deve estar sempre com a “mente aberta para poder acompanhar as tendências do mercado também de outras formas. “A cada dia, surge uma nova ferramenta, um novo tipo de material, novos insumos e novas máquinas, por isso a atualização tem de ser constante. E como não há ‘cursos’ para o acompanhamento dessas tendências, a pesquisa e a leitura também são muito importantes para o marceneiro”, ressalta Sidneira Teixeira, gestora ambiental e sócia d’ A Marcenaria.

Feiras, eventos e consultorias

Além de investir em cursos e buscar informações em meios de pesquisa, feiras, eventos e consultorias também são ótimas formas de renovação do conhecimentos para o marceneiro.

“As feiras moveleiras, por exemplo, são sempre uma excelente fonte de informações e de demonstrações de produtos, maquinários em geral e tendências em novos materiais, cores e texturas”, ressalta Sidneia.

Parcerias

Outra forma de expandir os conhecimentos e melhorar a qualificação é investir em parcerias com arquitetos, engenheiros e outros profissionais de marcenaria. Elas podem representar uma ótima fonte de informação e atualização, podendo gerar excelentes resultados na hora da venda, da montagem e da confecção de materiais e móveis em geral.

Gostou das dicas para manter-se atualizado no mercado? Continue, portanto, acompanhando o nosso canal de conteúdo e até a próxima!

Ocultar comentários

Comments

  • Allowed HTML tags: <em> <strong> <blockquote> <br> <p>

Plain text

  • No HTML tags allowed.
  • Web page addresses and e-mail addresses turn into links automatically.
  • Lines and paragraphs break automatically.
Publicar