ForMóbile faz parte da divisão Informa Markets da Informa PLC

Este site é operado por uma empresa ou empresas de propriedade da Informa PLC e todos os direitos autorais residem com eles. A sede da Informa PLC é 5 Howick Place, Londres SW1P 1WG. Registrado na Inglaterra e no País de Gales. Número 8860726.

Realidade Aumentada: você sabe como é aplicada na indústria?

realidade virtual e realidade aumentada formóbile.png
Confira a diferença entre realidade aumentada e realidade virtual e veja como elas podem ser aplicadas na indústria de móveis.

A indústria está intimamente ligada à inovação, buscando resolver problemas com a aplicação de tecnologias. Uma tendência que ganha força ano após ano é aplicação da Realidade Aumentada na cadeia do móvel. Para facilitar a compreensão sobre o tema, o segundo dia da ForMóbile Xperience 2020 contou com a participação de Mauricio Ogawa, gerente geral de inovação e tecnologia da Firjan.

O ponto de partida dessa palestra bastante tecnológica foi a diferenciação entre Realidade Virtual (RV) e Realidade Aumenta (RA).

A primeira é imersiva, ocorre com auxílio de óculos especiais e torna artificial tudo o que usuário enxergar, pois a realidade é criada em computador. “Perde-se o contato com o externo, ainda que o ambiente pareça muito verdadeiro. Essa é a principal característica da Realidade Virtual”, classifica Ogawa. Já a Realidade Aumentada é uma sobreposição de informações digitais no mundo real. “Você vê normalmente as coisas e, de repente, aparece uma informação digital na sua frente", explica. 

No ramo moveleiro, a RA pode ser usada para construir uma plataforma de amostragem de móveis de madeira para designers e fabricantes de amostras para diminuir o julgamento entre o protótipo e o produto. “Você pode incluir a Realidade Aumentada em todas as fases da produção”, sugere Ogawa.

Na comparação das amostras, designers e fabricantes precisam de muitas discussões e correções para entender a proporção exata e a forma dos móveis. Devido à falta de uma ferramenta de discussão eficaz como a RA, a amostragem precisa de repetidas correções de detalhes.

Mercado promissor

Previsões sobre a utilização de ambas na indústria são bastante promissoras.  Alguns dados apresentados pelo representante da Firjan são os seguintes:

  • Mercado de RA alcançará US$ 198 bilhões em 2025;
  • Estima-se que 68,7 milhões de usuários façam uso de RA, pelo menos, uma vez por semana;
  • Móvel é o principal produto que as pessoas querem comprar com RA (60%)

Benefícios na jornada de compra

Ao utilizar essas tecnologias, a empresa é beneficiada com personalização de experiência de compra, engajamento e retenção de clientes e posicionamento de mercado. Pelo viés do cliente, há ganho em experimentação remota e combinação de compras.

“O Ikea disponibiliza RA para o cliente testar móveis em casa. Coloca um produto digital dentro de um ambiente real. Depois leva para a área de compras”, conta.

Ocultar comentários
account-default-image

Comments

  • Allowed HTML tags: <em> <strong> <blockquote> <br> <p>

Plain text

  • No HTML tags allowed.
  • Web page addresses and e-mail addresses turn into links automatically.
  • Lines and paragraphs break automatically.
Publicar